No começo de agosto o governo de Santa Catarina isentou a cobrança de ICMS de todos aqueles que geram sua própria energia elétrica, através dos sistemas fotovoltaicos/solares com sistemas de até 1 megawatt de potência.

A isenção na cobrança do imposto era uma reivindicação de longa data, sendo que a conquista foi comemorada pelo setor de energias renováveis e pelos consumidores que tem seus sistemas fotovoltaicos já instalados. Até então, o excedente de energia produzido, que era injetado na rede de transmissão da concessionaria, quando voltava para o consumo da propriedade agrícola, empresa ou residência, gerava um imposto: o ICMS. Com a conquista da isenção, a cobrança do ICMS não mais ocorrerá, proporcionando, desta forma, uma economia ainda maior para quem já tem ou instala seu sistema de energia fotovoltaica/energia solar.

Para o cliente entender o que significa essa isenção do ICMS, se antes uma propriedade rural ou empresa que pagava aproximadamente R$ 2.000,00 mensais de energia, com o sistema de energia fotovoltaica instalado pagava ainda cerca de R$ 200,00, agora, com a isenção do imposto, pagará ainda cerca de R$ 75,00.

A TSI Chopeiras de Tunápolis é mais um dos exemplos de sustentabilidade em nossa região. O empresário Sidnei Royer optou pela energia solar para a redução de custos de produção na empresa, instalando um sistema com 60 módulos fotovoltaicos de 355w, que irão produzir aproximadamente 2400kw/mês de energia, gerando uma economia anual de R$19.000,00 aproximadamente, suprindo a necessidade do empresário com um custo/benefício excelente. A potência instalada na empresa é de 21,30 kwp.

Seja você também um cliente Quality Solar e dê adeus as suas altas contas de energia no final do mês.