A ONU – Organização das Nações Unidas, através da Acnur envia representantes para Itapiranga. A visita de dois membros da agência internacional está agendada para terça-feira, 28.

A finalidade é conhecer a realidade dos venezuelanos que vieram a trabalho para o município. A secretária municipal de Assistência Social, Karine Berwanger, acrescenta que os representantes da ONU vêm para relatar os trabalhos que a ACNUR exerce junto a refugiados e considerar o trabalho e organização da população e lideranças do município no acolhimento aos venezuelanos. Encontro está programado para a parte da manhã de terça-feira no auditório do Centro Administrativo Municipal.

A expectativa é de que o organismo internacional contribua, de alguma forma, para que o município possa suprir as demandas públicas de atendimento aos estrangeiros, principalmente nas áreas de saúde, habitação, educação e assistência social.

A secretaria Karine informa que atualmente 100 venezuelanos estão residindo em Itapiranga. 78 estão empregados no frigorífico JBS Aves. Outros 12 estão sendo admitidos. Alguns já estão com a família morando na cidade. No domingo, 26, novo grupo de 20 venezuelanos chega para serem empregados na Unidade Suínos da JBS.

O primeiro grupo de venezuelanos refugiados chegou em Itapiranga em dezembro de 2018.